Obrigado por se inscrever! 🎉

Obrigado 🎉por se inscrever!

Verifique sua caixa de entrada para receber nossa newsletter mensal

Inscreva-se para receber nossa newsletter 😊

Manual do líder de equipes criativas

Manual do líder de equipes criativas

Todos na monday.com

Estilos de liderança autoritativos e sistemas de trabalho altamente prescritos não conseguirão engajar ou inspirar. Além disso, eles vão esmagar a criatividade. Fazer com que sua equipe criativa trabalhe em conjunto sem problemas, aproprie-se do trabalho e fique totalmente engajada requer uma mentalidade de liderança diferente, que atenda às maneiras específicas como os criativos pensam e trabalham.

Antes de mergulharmos nas técnicas de liderança para líderes de equipe criativos, vamos falar do básico.

O que é uma equipe criativa?

O objetivo principal de uma equipe criativa é projetar e executar campanhas que incentivem um público-alvo a comprar produtos ou serviços de uma empresa. A equipe também é responsável por criar uma imagem de marca consistente para a empresa através de sua aparência, voz e mensagens.

Fazer isso efetivamente exige que cada membro da equipe criativa possua um entendimento profundo dos objetivos de negócios do cliente ou da organização, do público-alvo, dos valores e visão. Então eles devem usar todas essas informações para desenvolver maneiras criativas de embalar e apresentar uma nova mensagem, seja em anúncios, e-mails, sites, outdoors ou no produto em si.

Estrutura e funções da equipe criativa

Uma equipe criativa será diferente dependendo do tipo de empresa em que está. Por exemplo, uma equipe criativa em uma agência de publicidade é composta por redatores, editores, designers gráficos, desenvolvedores e produtores, e é liderada por um diretor criativo.

Em muitos outros setores, como em empresas de alta tecnologia, as organizações que têm a sorte de ter uma equipe criativa interna geralmente a colocam no departamento de marketing. Da mesma forma, as funções nessa estrutura serão compostas por redatores, designers gráficos, designers de UX/UI, editores e desenvolvedores. Elas também podem incluir pessoas cujo trabalho é gerenciar cronogramas e recursos do projeto ou coordenar informações de outros departamentos.

Como gerenciar uma equipe criativa: 6 princípios a serem seguidos

Os líderes de equipe criativa mais bem-sucedidos compreendem a importância do trabalho em equipe. Eles buscam criar uma cultura de colaboração, responsabilidade e engajamento, sabendo que essas características permitirão que cada indivíduo tenha um desempenho no mais alto nível. Isso é feito mantendo-se em sintonia com as necessidades de cada membro da equipe e ajustando seu estilo e técnicas de liderança de acordo.

Veja abaixo seis princípios essenciais para os líderes de equipes criativas.

  1. Busque inspirar

Os melhores líderes de equipes criativas são líderes inspiradores. Não queremos dizer que eles devam tentar ser a musa de alguém. Mas seu estilo de liderança é de apoio e empoderador. Os líderes mais eficazes sabem que, ao criar condições positivas para a equipe, os criativos encontrarão a inspiração de que precisam para se engajar e ter o maior nível de desempenho.

Uma liderança empoderadora valoriza a autonomia, mas, ao mesmo tempo, enfatiza o coaching. Isso inclui liderar pelo exemplo, manter todos os membros da equipe informados e tomar decisões participativas o máximo possível.

  1. Lidere pelo exemplo

O papel dos líderes de equipes criativas é semelhante ao papel do maestro de uma orquestra. Eles estão na frente do grupo para fornecer orientação e manter todos os membros sincronizados, e são observadores perspicazes. Quando é hora de mudar de rumo ou parar, o líder é rápido e decisivo, sabendo que isso é fundamental para deixar toda a equipe confiante em sua decisão.

Da mesma maneira, os líderes mais bem-sucedidos dão um exemplo de responsabilidade que ajuda a instilar esse valor em sua equipe. Eles assumem a propriedade total de suas decisões, seja o resultado bom ou ruim, e sempre direcionam o crédito para onde ele deve ir.

  1. Certifique-se de que as diretrizes e restrições sejam claras

Existe um mito de que pessoas criativas querem liberdade total, mas isso não é verdade. Em seu livro “Herding Tigers: Be the Leader That Creative People Need”, Todd Henry esclarece que as restrições na verdade impulsionam e incentivam a criatividade, mas essas restrições devem ser claras e previsíveis. Ao dar um novo projeto à sua equipe criativa, é essencial que você forneça todas as diretrizes antecipadamente, para que os membros da equipe entendam com o que estão trabalhando desde o início.

No mundo real, solicitações, prazos e opiniões estão sujeitos a mudanças. Quando isso acontecer, dê as notícias à sua equipe criativa com o máximo de antecedência e clareza possível.

  1. Repense sua abordagem ao gerenciamento de projetos

O gerenciamento de projetos é uma parte essencial da liderança de uma equipe criativa, mas os sistemas tradicionais podem ser prejudiciais. Os executivos de contas, que conversam o dia todo com clientes ansiosos, ou os líderes de marketing, que comem e respiram dados, muitas vezes têm dificuldade em enxergar além dos resultados e dos prazos. Embora tenham uma participação clara em projetos criativos, eles têm processos de pensamento completamente diferentes dos criativos e podem facilmente criar estresse e pressão desnecessários.

Ao adotar uma abordagem evoluída ao gerenciamento de projetos, você pode garantir que sua equipe criativa permaneça dentro dos prazos, atualize regularmente o andamento do projeto, responda a perguntas e até faça brainstorm de novas ideias sem criar um ambiente estressante. Ao elevar os valores de transparência e responsabilidade, você pode permitir que os criativos acompanhem os projetos e processos, garantindo que outras partes interessadas obtenham as informações necessárias.

  1. Promova um ambiente de colaboração, não de competição

Em algumas equipes, criar um pouco de competição é uma ótima maneira de estimular a motivação e o engajamento. Para os criativos, isso mais frequentemente produz tensão, frustração e desengajamento. Sua equipe criativa terá melhor desempenho quando os membros da equipe estiverem empolgados em trabalhar juntos, não quando se sentirem um contra o outro.

Faça o possível para enfatizar o valor da colaboração. Combata o mito do “inventor solitário” ou que as melhores ideias vêm de um único gênio, e acredite que as ideias mais inovadoras geralmente são o resultado de muitas contribuições.

  1. Ajude os membros da equipe a realizar seus sonhos criativos

Todos os criativos têm um sonho que desejam realizar em algum momento de suas carreiras. Enquanto os projetos vêm e vão, eles sempre estarão ansiosos para realizar esse sonho. Talvez seu redator queira liderar uma campanha de outdoors ou seu designer queira usar seus próprios caracteres personalizados em uma animação de quadro branco.

Ao perguntar a cada membro da equipe o que eles esperam fazer um dia e procurar maneiras de fazer isso acontecer, você pode aproveitar essa enorme fonte de energia e inspiração para produzir um trabalho incrível.

Pense como um criativo

Em todas as equipes, os pilares de colaboração, responsabilidade e engajamento são fundamentais para que a equipe tenha sucesso. Mas os criativos são diferentes e exigem um tipo diferente de líder. Ao entender como sua equipe pensa, o que eles buscam e o que precisam, você pode ajudar a oferecer a estrutura que os capacitará a atingir seu potencial, ao mesmo tempo em que cumpre os objetivos da equipe.

Não consegue se cadastrar?
Contate-nos. Estamos disponíveis 24/7.