Obrigado por se inscrever! 🎉

Obrigado 🎉por se inscrever!

Verifique sua caixa de entrada para receber nossa newsletter mensal

Inscreva-se para receber nossa newsletter 😊

Como adicionar ordem ao seu fluxo de trabalho criativo

Como adicionar ordem ao seu fluxo de trabalho criativo

Todos na monday.com

Profissionais criativos são especialistas em inventar. Eles se destacam em imaginar, criar e dar vida a novos conceitos. E entendem a importância de aproveitar momentos de inspiração, bem como o valor da espontaneidade. Porém, embora a liberdade seja fundamental para a inteligência criativa, o próprio ato de criar exige uma estrutura.

Sem uma base que forneça ordem e organização às empreitadas criativas, seu fluxo de trabalho criativo não fluirá muito longe.

O desafio para os líderes de equipes criativas é encontrar uma maneira de aumentar a ordem, a propriedade e a produtividade sem acabar com o processo criativo.

3 obstáculos que atrapalham o fluxo de trabalho criativo

Se você lidera uma equipe de redatores, designers, pensadores de design, artistas ou qualquer outro tipo de profissional criativo, praticamente qualquer equipe pode se identificar com estes três desafios.

  1. Brainstorming ineficaz

O brainstorming é essencial para o processo criativo, mas facilitar uma sessão produtiva de brainstorming é mais difícil do que parece, especialmente quando o processo carece de estrutura.

Uma concepção não estruturada aumenta o risco de a sessão perder a seriedade e não ser produtiva. Todos nós já participamos de sessões que acabam no purgatório do YouTube, nas profundezas da Wikipédia ou em uma completa bobagem.

Embora um fluxo livre de pensamento possa oferecer uma quantidade maior de ideias, esses exercícios geralmente não têm foco, e não há garantia de que eles produzirão resultados acionáveis.

Em vez disso, o brainstorming estruturado — a geração sistemática e liberal de ideias — produzirá conceitos mais abrangentes e úteis. Ao contrário do brainstorming não estruturado, em que os participantes sugerem ideias à medida que elas vêm à mente, o brainstorming estruturado exige que todos sigam regras específicas, como adiar julgamentos, concentrar-se no tópico e manter uma conversa por vez.

Ao aderir ao brainstorming estruturado, você poderá:

  • Permitir a todos os membros da equipe a chance de contribuir com ideias (e não apenas aqueles poucos que falarem mais alto)
  • Incentivar a qualidade, e não apenas a quantidade
  • Guiar a concepção de forma a tomar uma direção específica, e incentivar o estímulo mútuo de ideias
  • Garantir que haja um final conclusivo para a sessão, bem como os próximos passos para conduzir a ação.
  1. Perder de vista o panorama geral

Ninguém é melhor do que os profissionais criativos em pegar um problema e surgir horas, dias ou semanas depois com a solução perfeita. Uma pessoa de fora que observasse esse processo provavelmente presumiria que o método racional aqui é apenas… loucura. Porém, as equipes criativas diriam que se trata da conclusão natural do fluxo de trabalho criativo.

O desafio para os profissionais criativos não é a solução de problemas. Em vez disso, trata-se do risco de perder de vista o panorama geral. Todas as tarefas que seus profissionais criativos realizam — seja criar um anúncio, desenvolver um novo slogan ou editar um roteiro — fazem parte de alguma estratégia, campanha ou iniciativa maior.

A menos que sua equipe possa ver e entender o contexto maior em que o trabalho dela está contido, pode ser difícil garantir consistência e coerência em todo o projeto. Perder de vista o panorama geral também pode levar à má alocação de recursos ou a problemas para cumprir prazos.

  1. Dificuldade em se adaptar a mudanças

Uma das características mais exclusivas das pessoas nas áreas criativas é que cada indivíduo desenvolve seus próprios métodos e fluxos de trabalho criativos ao longo do tempo. Em muitos aspectos, esse é o superpoder deles, mas, ao mesmo tempo, isso pode se tornar um obstáculo.

Quando ocorrem mudanças — se um membro da equipe se desliga ou um novo membro ingressa, se há uma transição de liderança ou se um cliente deseja estar altamente envolvido no processo criativo —, pode ser difícil administrar essas perturbações sem prejudicar o processo criativo.

Apesar do desejo de resistir à mudança, adicionar estrutura e organização pode ser benéfico. Ao criar processos que ajudam a facilitar o fluxo de trabalho criativo, você pode orientar a forma como as equipes criativas abordam projetos, lidam com o brainstorming, examinam novas ideias e, por fim, criam – em meio às mudanças ou apesar delas.

Adicionando um nível de consistência ao longo das mudanças, sua equipe criativa se tornará mais adaptável e ágil.

Encontrando o equilíbrio entre ordem e criatividade

Os líderes de equipes criativas devem pensar em como adicionar estrutura ao fluxo de trabalho criativo. Sistemas ou técnicas que limitam novas formas de pensar, desincentivam riscos ou insinuam julgamentos dificultarão rapidamente a criatividade e diminuirão o moral.

Em vez disso, um sistema discreto que agrega visibilidade ao escopo, metas, responsabilidades e cronogramas de um projeto será ideal. Work OS é uma plataforma que permite que todos os membros da equipe gerenciem melhor os fluxos de trabalho sem ditar seu trabalho ou interferir no processo criativo. Ela centraliza as informações essenciais para garantir que todos os usuários mantenham em vista o panorama geral, permaneçam atualizados sobre o progresso e fomentem uma maior responsabilização.

Às vezes, a chave para deixar o processo criativo fluir é construir um “dique”. Quer saber mais sobre como maximizar o pensamento criativo e a produtividade das equipes? Confira as dicas dos principais profissionais de marketing sobre o assunto

Não consegue se cadastrar?
Contate-nos. Estamos disponíveis 24/7.